NÃO SEI OU PENSO QUE SEI?
O que me apavora a toda hora...
São sentimentos que ecoam do meu ser...
Nada ter, nada ver, tudo sentir...
Me apavora a demora de ir...
Quando sei que é logo ali...
Tudo ter, tudo ver, tudo sentir...
Constatação do existir...
E o que ecoa dentro de mim explode...
Não mais me apavora...
Tudo esta fora...
Não tenho e tenho, não vejo e vejo, não sinto e sinto...
Sou eu em mim e fora mim...
Sou louca?
Não apenas me permiti ser...
Fora de ordens...
Fora de leis...
Fora de horas...
Mas...
Entre o Sol e Lua...
O Fogo e o Ar...
Na Terra e no Mar...
Na pele nua e vestida sou eu...
E o que me apavorava a toda hora...
Ecoou numa explosão de mim mesma...
Ao invés de implodir-me...
A demora passou...
Me sinto em Paz...
Pois cheguei logo ali...
Em me Eu Divino sem identidade...
Apenas com a liberdade para ser...
Exatamente como sou...

Carmen SS 09/12/2014

MULHER CIGANA

Oh, Mulher Cigana
De teu povo Samaritana
Como todas as demais mulheres
sofres em teu peito as dores da alma.
Mulher em corpo de deusa bem torneada,
tua pele morena,
Lua verde fosca seu cabelo de vento.
Oh, Mulher, tu não es diferente
do resto das outras mulheres.
Alma apaixonada e sofrida,
teu coração transborda ternura.
Silenciosa, energética e trabalhadora.
Apoia seu povo contestado,
Traz em sua casa, sua cultura rejeitada,
incompreendida anjo.
Tu Mulher é a força, a energia
que da vigor e força aos seus,
liberdade que vai ganhando caminho
Nos corações incompreendidos.
Hoje minha canção para ti, Mulher Cigana,
Morena verde lua, cabelo de vento
carne modelada e forjada no vulcão
esculpida e talhada em metais nobres;
É tua alma Mulher Cigana.
Flor de lírio imaculada,
Tu es carne e sangue alvoroçada
rebelde e tranquila, coração real e nobre
Tu fazes o homem acreditar que ele domina.
Mas tu,Mulher Cigana,que é o leme;
Salvação de seu povo exausto
Dona das virtudes, es tu
Mulher Cigana,que com inteligência e paciência
vai ganhando as batalhas.
Minha trova é para ti, brava Mulher Cigana.
Amante, Irmã, Companheira e Esposa.
De um Povo que sofre e chora a sua amargura por Bulerías.
Segue tu, em gestos de borboleta.

(JESHUA)
ORAÇÃO CIGANA DOS 4 ELEMENTO

Faço meus apelos nesta oração, com muita Fé e Amor, 
A querida Santa Sara Kali, protetora do Povo Cigano, 
 Rainha Cigana do Povo do Oriente e a todos os 
Benditos Espíritos de Luz no templo da tribo cósmica.

Peço com toda a força do meu Coração aos nossos protetores,
 que a energia poderosa da natureza representada pelos 
quatro elementos (Fogo, Água, Ar e Terra) 
tome conta da nossa casa, do nosso trabalho, do nosso corpo,
 da nossa mente, de nossas emoções e anseios.

Cubram-nos com grande proteção e nos abençoe.
Que o Fogo seja a demonstração viva do Amor, 
da união, do calor humano e da harmonia 
que deve nos ligar por toda nossa existência.

Que a Água, fonte cristalina de bênçãos, lave e limpe 
nossas vidas e nos livre de toda carga negativa 
que possa interferir em nosso comportamento e atitudes 
para conosco mesmos e nossos semelhantes.

Que o Ar nos traga o sopro mágico da vida e renove 
a cada dia as nossas energias físicas e a nossa saúde.
Que a Terra seja o nosso símbolo de prosperidade, 
renovando-se sempre, para que possamos semear e colher 
Todos os frutos Benditos para nossa tranquila sobrevivência.

Salve a magia, a forca e a Luz do Povo Cigano!
Espanhola!

Quando te vi a primeira vez, espanhola!
Teu vestido vermelho rodado de corte ousado!
Baila; castanholas nas mãos! Baila espanhola!
Cintura delgada, roda, que roda espanhola...

Espanhola, castanholas; bate seu pé no tablado!
Que linda toda em vermelho de jeito cigano!
Espanhola cigana, tão bela era em seu dançar!
Luar prata descobre e cria meandros de sombras

Os acordes tão quentes, som inebria e contagia!
Magia! Dança espanhola e suas castanholas!
Dança e contagia sua magia espanhola cigana

O tablado seu leque face rosada dança que dança!
Somente tu espanhola para ter tal dançar
Eu, feito criança desejando, sonhando, espanhola!



Angylus Masximillian Nurki Brutus (Anjo Azul)
Sangue Cigano.....

Encantado sejas sangue cigano
Único responsável pela magia
Que encanta meu povo.
Bendita seja mulher cigana
Que carregas no sangue séculos de dor
Que semeado em teu ventre vai nosso povo.
Basta teu olhar, para derramar o encanto que
nos cerca e nos traz vivos até agora.
Com tua graça e tua dança remontas nossa
história e nossos costumes.
Com tuas mãos carregas nossas crianças e
nossa tradição.
Com teu sorriso fascinas o ar de qualquer lugar
Com teus pés caminhas como leal escudeira
pelo mundo.
Musa encantadora faz dos ciganos homens
premiados por Deus.
Portadora da magia e das sábias palavras que
movimentam os dons tão propagados
Sangue Cigano
Orgulho de nosso povo
Mistério no mundo
De amor profundo.

(Walodia - Nélson Pires Filho - livro: Ciganos rom-Um povo sem fronteiras)
SER CIGANO....

A psicologia do Cigano é antes de tudo uma psicologia de nômades.
Mostra-se na sua vida cotidiana, em vários aspectos:
moradia, alimentação, trabalho, amor, dança, traje...
A sua visão das coisas, dos lugares, do tempo é modelada
 pelas condições de vida,
de uma vida que muda no ritmo das estações, marcadas
 por acontecimentos importantes.
O passado, só serve para perturbar o espírito.
O futuro é incerto.
O presente, conta o instante que passa;
Cigano vive o dia-dia.
O cigano não sabe, ele sente!
Identifica-se com seu grupo, mas tem sua liberdade:
cada um faz o que quer, quando quer e onde quer.
Vive apaixonadamente sua vida, gosta de ter filhos,
mas permanece calmo ante à morte e diante de um perigo.
É fatalista, deixa-se conduzir pela ordem natural das coisas.
Não se revolta contra o destino!

(Autor desconhecido)
Oração para a Cigana.

És uma linda flor que desabrocha ao amanhecer.
És um espírito de Luz.
És a luz que clareia nossas mentes para que possamos 
dar um conselho na hora certa.
És o espírito que nos dá força para superarmos todos  
os nossos obstáculos.
És a estrela brilhante que ilumina nossas vidas neste 
planeta Terra.
És um espírito maravilhoso que à noite vigia nossos sonhos,
impedindo a aproximação de espíritos maléficos.
Cigana, com tuas fitas coloridas, estás sempre transmitindo
 a força do arco-íris.
Sempre que um aflito te invocar, possas transmitir-lhe
a energia da paz, da harmonia e da consolação.
Que, ao olhar a chama de uma vela, possamos 
sentir tua presença.
Que, ao tocar um cristal, possamos sentir tua energia positiva.
Que, ao sentir o aroma de violetas, possamos sentir 
que estás nos confortando.
Cigana, cobre-nos com tua saia colorida, escondendo-nos 
dos invejosos e mostrando a eles que o caminho não é esse.
Cigana encantada, que nesta hora possamos sentir 
segurança, paz e felicidade.
Com teu encanto, encanta coisas boas para que 
os nossos caminhos não tenham obstáculos.
Desencanta todas as perturbações que existam nos lares.
Cigana, cura aqueles que estejam doentes 
do espírito da alma e da matéria.
Com o poder do Pai-Sol.
Com o poder da Mãe-Terra.
Nós te pedimos que nossos pedidos sejam atendidos.
Por Santa Sara, a padroeira dos Ciganos, 
e por todos os espíritos Ciganos que viveram  
e sofreram nesta Terra, nesta corrente de fé Cigana.
ORAÇÃO CIGANA
MUITA LUZ NO CAMINHO DE TODOS.
OPTCHÁ!

Oh! Poderoso Grande Rei Cigano.
Que nessa hora venho saudar.
Saúdo as forças das estrelas. 
Saúdo as ondas do mar. 
Saúdo todas tribos ciganas
que nessa hora estou à invocar.

Pedindo licença ao teu povo para trabalhar.
Saúdo as montanhas, os vales, as gotas de orvalho, as areias.
Teu povo dança feliz invocando a vida e a beleza.
Em suas músicas há a graça do bailar livre em liberdade a sonhar.
Teus tesouros são infinitos por que nem um preço
pode pagar o valor da liberdade dos pés descalços a caminhar.

Tuas joias tem o brilho mais caro.
Teus homens Ciganos põem a mão ao peito
 para seu talismã esquentar.
Tuas mulheres abanam seus leques 
para os maus espíritos afugentar.
Tuas fogueiras possuem as salamandras mais altas
que nos olhos de teu povo sabe brilhar.
Aquece-nos agora oh! Grande Rei 
para que essa oração não possa acabar.
Enquanto um Cigano olhando ao céu orar.

Amém.
Alma Cigana

O toque de um violino me chama... 

Sou uma Cigana
As cartas quero abrir e sua sorte ver... 

Sou uma Cigana
Quero dançar até que canse... 

Sou uma Cigana
Quero amar até que não queira mais... 

Sou uma Cigana
Quero rir até não poder mais a tristeza ver... 

Sou uma Cigana
Quero a liberdade entre mim e você... 

Sou uma Cigana
Quero na fogueira ver as chamas vibrarem com alegria...

Sou uma Cigana
Sentir o gosto do vinho que entra em minha garganta... 

Sou uma Cigana
Quero beijar-te para sentir o gosto deste vinho em meus lábios... 

Sou uma Cigana
O som das minhas castanholas vibra em meu coração... 

Sou uma Cigana
Amor para mim é vida... 

Sou uma Cigana
A vida para mim é amar a tudo e a todos... 

Sou uma Cigana
Quer que te responda algo?
Abrirei minhas cartas para ti... 

Sou uma Cigana
Mas se sentiu o gosto do vinho em meus lábios...
E comigo dançou envolta da fogueira...
Meu leque te enfeitiçou...
Minhas castanholas te hipnotizou...
Desculpe-me Amado, mas esta é a magia Cigana que procurava.
Nunca se esqueça de que Sou uma Cigana, despi minha alma para ti.
Conheceu-me como Sou, mas deve uma coisa aprender...
Nunca me peças que te conte de onde venho e para onde vou.
Pois como te disse e não esqueças jamais...
Sou eternamente uma Cigana!!!


Carmen SS 12/12/2011

A CIGANA

Qual o gosto do beijo de uma cigana apaixonada, que transpira sensualidade, pelos seus poros rosados que soam, ao ouvir as castanholas e o violão flamenco de um homem de brinco e cabelos negros?

O homem tem o olhar do Don Juan e com esse olhar, tentar seduzir a ciganinha que baila com seu vestido longo e de cores variadas.

A mulher eleva seus olhos ao encontro aos do cigano e puxa seus lábios 

como se fosse lançá-lo um beijo.
Mas ela se mantém em sua dança e seus impulsos sensuais.

Mas a cigana se deleita aos ouvir os arpejos perfeitos do violonista,

que toca com a alma de sedução do Orfeu tocando para sua amada Eurídice.
Por fim, a cigana se aproxima com suas castanholas e sussurra 

ao ouvido do violonista encantado.

O sussurro não pôde ser ouvido, mas a ação seguinte veio acompanhada de um beijo caloroso e um fechar de olhos que parecia ser um sonho interminável.

O beijo chegou ao fim e a cigana partiu.
Ao músico até então, lhe restou mais acordes a dedilhar em seu violão e nada mais naquela noite que pareceu eterna do começo ao fim daquele beijo.


Moises Bottas
Moon & Witch Comments & Graphics
ORAÇÃO CIGANA DO AMANHECER

Salve o Sol, a Natureza, o Orvalho da Manhã!
Salve Deus todo Poderoso, que me dá a felicidade de tomar 
a bênção a toda Natureza.
Salve o Vento, o Sol, a Chuva, as Nuvens, as Estrelas e a Lua!
Salve as forças das Águas, a Terra, a Areia e o Solo Fértil!

Que belo seja seu remédio!
O pão que parto a mesa, seja multiplicado!
O Trigo que carrego comigo, seja minha prosperidade.
Que o Universo me abrace e que os quatro elementos:
Terra, Água, Fogo e Ar, me deem as forças necessárias 
para todas as dificuldades de minha vida.

Que meus caminhos sejam abertos, hoje e sempre,
com toda a pureza do Elementais e dos Anjos Mensageiros de Deus.

Amém.

O Buscador!

O buscador não se compromete...
Simplesmente aparece.
Vem da luz ou da escuridão...
Dentro da comunhão amor e perdão.
Ele vem abre portas e portais...
Na sutileza da beleza do ser.
Não vê caminhos... Desbrava-os.
Não tem guias é guiado...
Não vê... Sente sua direção.
E respira o ar, que trás a fragrância da liberdade.
Ouvi os mantras da natureza...
Sente-se belo como um grande Deus!
O peito iluminado com o coração disparado...
É o buscador entre os desesperados.
Sai da escuridão!
Abrindo portas e janelas do seu Eu.
Nada mais teme só vê a luz!
E simplesmente aparece...
No lugar certo e na hora certa.
Abraça com toda sua força a liberdade conquistada!
É um buscador... Sempre será.
Um buscador de si!

Carmen SS
Oração do Perdão
(Cristina Cairo)

Faça esta oração à noite, antes de dormir, para seu inconsciente absorvê-la totalmente.Atenção: Visualize o rosto da pessoa que você precisa perdoar, ou ser perdoado(a)por ela diga cada palavra do fundo do coração, chamando-o(a) pelo nome.

Eu perdôo você... por favor, me perdoe...
Você nunca teve culpa...
Eu também nunca tive culpa...
Eu perdôo você... me perdoe, por favor.
A vida nos ensina através das discórdias...
e eu aprendi a lhe amar e a deixá-lo(a) ir de minha mente.

Você precisa viver suas próprias lições e eu também.
Eu perdôo você... me perdoe em nome de Deus.
Agora, vá ser feliz, para que eu seja também.
Que Deus te proteja e perdoe os nossos mundos.
As mágoas desapareceram de meu coração e só há 
Luz e Paz em minha vida.

Quero você alegre, sorrindo, onde quer que você esteja...
É tão bom soltar, parar de resistir e deixar fluir novos sentimentos!
Eu perdoei você do fundo de minha alma, porque sei que você nunca fez nada por mal e sim porque acreditou que era a melhor maneira de ser feliz...

Me perdoe por ter nutrido ódio e mágoa 
por tanto tempo em meu coração.
Eu não sabia como era bom perdoar e soltar; eu não sabia
 como era bom deixar ir o que nunca me pertenceu.

Agora sei que só podemos ser felizes quando soltamos as vidas, para que sigam seus próprios sonhos e seus próprios erros.

Não quero mais controlar nada, nem ninguém.
Por isso, peço que me perdoe e me solte também, para que 
seu coração se encha de amor, assim como o meu.

Muito obrigada!

Mensagem inspirada por Cristina Cairo, num momento de perdão SP 05/4/03

Quero ser como os pássaros...
Voar em busca de um lugar melhor.
Nunca estar só.
Sentir de perto o perfume da flor!
E ver lá de cima a vida passar...
Poder cantar de felicidade...
E com meu canto outros encantar!
Ter a sensibilidade de sentir a primavera chegar...
Ser simplesmente livre!
Voar em busca da liberdade!

Carmen SS
Doces Delírios

E o deus que entrou em nosso quarto era vermelho 
e feminino e eu tive um medo de excitação desses que a gente prende a respiração deseja e teme e os opostos se tocam sempre e sempre há de vencer nosso pior. 

Somos assim, pequenos magos pequenos truques, pequeninas plumas sulfídricas coisinhas que cintilam esferas, estrelas, espelhinhos cartas dentro da manga, lenços coloridos tudo em nós flutua é sonho, abstração.

A tua fé e o meu desejo de pecado caminham lado a lado
e são tudo que nos escraviza nosso futuro, nosso passado a nossa libertação.

Bruna Lombardi
Karma...
Problemas ou solução?
Comum diante de situações adversas e dolorosas perguntarmos:

“Por que isso acontece comigo?” Quando a dor nos visita, é comum culparmos o mundo externo por nossos sofrimentos e não assumirmos que somos responsáveis por tudo o que nos acontece.

Mas é preciso enxergar essa realidade
Não raramente, os fatos que nos afetam estão ligados ao passado, por vezes desta vida e muitas vezes de vidas passadas. Lá atrás, o que não necessariamente tem de ser de sua última encarnação, muitos atos desequilibradores podem ter sido colocados em movimento e talvez você esteja colhendo os frutos agora. Como lidar com isso? Será que o Karma de vidas passadas obrigatoriamente tem de estar ligado a sofrimento e problemas?

O Que é o Karma?
Karma é uma palavra do sânscrito que define a lei de causa e efeito, ou seja: “O que o homem semeia ele colherá”. Se entendermos o seu significado em sânscrito-ação, podemos chegar a algumas conclusões. Toda a ação implica uma reação; portanto, ao colocarmos em movimento qualquer ato, pensamentos ou palavras, teremos uma reação desse movimento. Ação significa também que quando lidamos com acontecimentos cíclicos, que é o que o Karma é, precisamos estar atentos para agir de acordo com o que a situação nos propõe. Nada acontece por acaso...

Se você estiver vivendo sob pressões desafiadoras, assuma o controle de sua vida e entenda que o que está acontecendo com você está de acordo com a lei cíclica, ou seja, tudo o que não aprendemos ou vivemos em desarmonia no passado terá de voltar acontecer, mesmo que em condições diferentes, contudo similares, para tentarmos novamente. Tracemos um paralelo: Quando estudamos em um colégio ou faculdade, se não formos bem em determinadas matérias, teremos que refazê-las e, por vezes, até repetir o ano. Assim funciona a lei de Causa e Efeito, ou o Karma.
Refaremos os passos de que erramos por que nossa consciência Divina assim o exige. Mesmo que não lembremos, tudo está gravado em nós e na hora certa atrairemos situações que nos ajudarão nessa reciclagem.

Deus não profere um julgamento a cada ato pessoal, mas criou leis perfeitas que dirigem o Universo e por causa do nosso livre-arbítrio dá chances iguais a todos nós. Nesta Nova Era, que abriu uma brecha na herança das Religiões que impuseram culpas e castigos para resgatar nossas faltas perante a lei Divina, devemos reformular nossos pensamentos e crenças.

Ao tomarmos consciência de que vivemos um Karma negativo-sim, porque podemos colher frutos de nossas ações positivas e isto é Karma- reflitamos no que o Mestre Jesus afirmou: “Muito lhe foi perdoado porque muito amou, mas quem pouco perdoa, é porque pouco ama” (Lucas 7; 47).

Como transformar o Karma?
Primeiramente, mudando a visão que temos do problema que nos aflige. Eis um modo de pensar errado: “Não posso mudar, é meu Karma”. Ou “Tenho de sofrer muito! São erros do passado”. Tive uma cliente que não se perdoava porque, em uma época muito difícil de sua vida, fizera um aborto. Conversamos e concluímos que, naquela época, ela não acreditava que Deus manda o frio conforme o cobertor.

Ela não acreditava que o amor Divino traz abundância e abre espaço para auxílios que no momento de aflição não percebemos, mas, se confiarmos, tudo de bom vira ao nosso encontro. Como não tinha a visão amorosa da vida que tem hoje, no desespero abortou.

A pergunta é: Ela colherá frutos de seus atos?
Com certeza. Mas será que ela poderia refazer esses passos de outra forma? Desejava ter outro filho, mas por estar solteira, não havia possibilidade naquela fase, nem dinheiro disponível para tratamentos médicos que não envolvessem um parceiro. Além disso, sua idade madura desaconselhava engravidar mais para frente. Mas isso seria necessário?

Orientei-a se perdoar em primeiro lugar, pois não havia cura sem perdão e pedi que tentasse trabalhar com crianças carentes como voluntária. Essa ação cheia de amor apagaria de seu Espírito sua ação desiquilibrada do passado e em outra oportunidade poderia abrir espaço para outro filho, fosse nesta ou em outra vida. Feito isto, hoje ela se sente muito melhor e está de bem com a vida.

Solução...
Para muitos, o Karma parece ser a solução. Existem pessoas que, apesar de todo o sofrimento que passam, o superam e realizam obras belíssimas. Lars Grael, em 06/06/98, quando participava de uma regata em Vitória, foi atingido por um barco em alta velocidade que decepou sua perna direita: uma pessoa não participante da prova desrespeitou a sinalização de bóias e dos atletas que estavam no local, provocando a tragédia.

Este trágico acidente, que poderia ter encerrado sua carreira de velejador, não o desanimou. Pelo contrário, em 2001, assumiu o cargo de Secretário Nacional de Esportes, no Ministério do Esporte e Turismo e põe em prática suas ideias, como os projetos Grael-Projeto Navegar para crianças e Esporte Solidário (atende pessoas carentes e tenta a liberdade com objetivos de recuperar os presidiários).

Um outro bom exemplo de pessoas que ultrapassam os limites que a vida impõe está relacionado à vida do genial Stephen Hawking, nascido em Oxford, Inglaterra, e considerando o mais brilhante físico teórico, desde Albert Einstein.

Matemático, astrofísico e doutor em Cosmologia, em 1963 descobre que está com uma doença chamada esclerose lateral amiotrófica, doença que afeta a capacidade neuromotora do corpo.

Desde 1985, após uma pneumonia, precisa de cuidados 24 horas por dia e graças à sua incrível determinação, escreveu vários livros, continuou dando aulas e seminários, apesar de não falar desde aquela data; comunica-se com a ajuda de um sintetizador de voz e um computador portátil.

Atualmente, ocupa a cadeira de Isaac Newton como Professor of Mathematics na Cambrige University na Inglaterra. Muitas vezes, a descoberta de talentos novos pode estar ligado às dificuldades por que passamos e, claro, à revalorização da vida.

Padrão ou Karma
Se você estiver sempre às voltas com uma série de pessoas que lesam seu trabalho ou te roubam e te enganam, seja no trabalho, seja nas relações pessoais, cabe à pergunta: Por que atraio pessoas assim em minha vida? O que tenho de perceber ou mudar?

O primeiro passo é ter consciência de que isto acontece a todo o momento e depois entender que quem está atraindo pessoas assim é você; portanto, a solução está dentro de você. Será que também lesou muitas pessoas lá atrás?

Ou isto é um padrão de pensamento, uma crença que adquiriu do mundo externo, principalmente quando criança? Por exemplo: Seu pai foi uma pessoa que vivia se queixando dos outros:

“É não podemos confiar em ninguém”
“As pessoas só enganam os outros”. “Sinto que estou sendo enganado”... E por aí afora. Você cresceu acreditando que todo o mundo trai, mente... Mas não percebe realmente isto. Somente quebrando esses padrões e adquirindo outros é que você se libertará dessas pessoas; e vibrando em uma outra frequência, atrairá, outras que tenham a ver com você.


 “A Quem, pois, culpar de todas as suasaflições senão a Si mesmo?”

Serena Salgado


A Magia do Baralho Cigano
O Baralho Cigano:

Para um povo que sempre teve suas próprias tradições e seus mistérios, os Ciganos resolveram criar um novo jogo, com base no tarot que conheceram no Egito. O novo Oráculo, porém, foi confeccionado repleto de símbolos ligados à Magia do Povo do Oriente ou Linha do Oriente, corrente espiritual que os guia e protege. A este novo Tarot,

os Ciganos deram o nome de Iniciático ou Cigano.
Naquela época, as lâminas eram pintadas à mão e passavam como herança entre os membros de uma mesma família (normalmente entre as mulheres, até em razão de
serem elas as responsáveis pelo jogo dentro da tribo). Este procedimento garantiu o segredo deste Tarot por muitos séculos.

O Baralho Petit Lenormand:
Existe uma verdadeira aura de mistério envolvendo a associação deste Baralho, criado por Mll. Lenormand com o Baralho Cigano propriamente dito. Para ser justo com as duas explicações correntes, vamos reproduzi-las aqui.

A primeira explicação dada a essa controvérsia é a de que Mlle. Lenormand, que nasceu na França, em 1772, teve acesso ao Baralho Cigano e, analisando-o, criou o seu próprio Baralho e método.

Só que, então, os Ciganos teriam dois tipos de Baralhos com que trabalhavam, um verdadeiro, usado exclusivamente dentro das tribos e um outro, mais popular, usado para consultar os não-Ciganos.

O Baralho então visto por Mlle. Lenormand, teria sido essa versão popular. Para manter a versão original intacta, no entanto, os Ciganos teriam se calado quanto a esse engano, fazendo-a acreditar ter copiado o Baralho verdadeiro.

Uma outra versão, exatamente oposta, conta que Mlle. Lenormand criou um Baralho com 36 Cartas, o qual teria agradado muito ao Povo Cigano, pois era feito com imagens do cotidiano.

Tamanha identificação fez com que começassem a usá-lo, difundindo-o pelos lugares por onde passavam. Passou-se o tempo e o antigo Baralho Lenormand ficou esquecido, pelo menos no nome, já que passou a ser chamado (essa versão cigana), de Baralho Cigano.

A Cartomancia:
É importante não confundir o Tarot Cigano ou Baralho Cigano, com a Cartomancia, que é um método que utiliza as Cartas do Baralho comum, e que teve a sua origem totalmente diferente.

As Cartas do Baralho que conhecemos e utilizamos em nossa diversão, surgiram na Europa, por volta de 1369 e 1380, e seu uso como adivinhação aconteceu, provavelmente, em 1390, isto sim, nas mãos de uma cigana.